BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Curiosidades Após ser rejeitada pela mãe, cabrita é 'adotada' por vaca leiteira em Itapetininga

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Após ser rejeitada pela mãe, cabrita é 'adotada' por vaca leiteira em Itapetininga

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

cabrita

Depois de ter sido rejeitada pela mãe assim que nasceu, a Ritinha, uma cabrita que vive em uma fazenda de Itapetininga (SP), está chamando atenção dos donos após ter sido "adotada" por uma vaca leiteira.

De acordo com a dona, Maria das Dores Souza, a cabrita morava em outra fazenda, quando foi rejeitada e acabou indo para sua propriedade.

"Peguei ela para cuidar bem novinha e no início dava mamadeira para ela, porque não tínhamos outra para amamentá-la. Então, fazia mamadeira direto para ela", conta.

Mas a adoção da vaca leiteira surpreendeu Maria e foi de repente, segundo ela.

"Um dia estava tirando leite, quando a Ritinha veio atrás de mim. Do nada ela correu e foi até a vaca. E a vaca não rejeitou. Agora, toda manhã ela vem mamar. Aprendeu sozinha e nem quer mais saber da mamadeira", conta.

De acordo com o veterinário Rodrigo Grandini, o animal associou a retirada de leite com a mãe.

"Vários animais que são abandonados pela mãe ou que acabam perdendo a mãe cedo, acaba associando o hábito dos proprietários tirando o leite com a amamentação. Então, acabam associando e aprendendo. Para um animal que não tem um leite, é melhor ter um leite diferente do que nenhum leite", conta.

Para Maria, a Ritinha já é parte da família. "Achei muito interessante ela mamar da vaca. E a Ritinha já minha filha. Não me larga. Onde eu vou ela vai junto", ressalta. (tVtem)

Comente:

Últimas Notícias

Novos Vídeos