BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Cidades Gerais Documentário sobre interior do Brasil é selecionado em sete festivais de cinema

Documentário sobre interior do Brasil é selecionado em sete festivais de cinema

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

document

Caravan foi adaptada para suportar viagem de 240 dias (Foto: Otávio Lino/Expedição Raiz)

Um vídeo documentário produzido por dois amigos de São Carlos foi selecionado em sete importantes festivais de cinema com temáticas ambientais e de turismo na Letônia, Hungria, Rússia, Croácia, Romênia, Estados Unidos e Brasil.

“Ao todo fomos selecionados em sete festivais. Quatro deles já aconteceram, os outros ainda vão acontecer. São festivais de filmes de natureza, esportes radicais, montanhismo e etc. Em todos, concorremos na categoria de melhor filme”, explicou Lino.

A bordo de uma Caravan 1976, o jornalista e fotógrafo Otávio Lino e o documentarista Marcio Sanches viajaram 24 mil quilômetros em 240 dias pelo interior do país e investiram cerca de R$ 60 mil no projeto intitulado Brasil Raiz, publicado em março deste ano.

doc2

No vídeo documentário de 30 minutos, os expedicionários mostram as culturas e paisagens do interior do país. Para eles, as indicações representam a aceitação do trabalho desenvolvido.

“Quando você faz um filme de forma independente, com recursos próprios e, de repente, ele começa a ser aceito em vários festivais ao redor do mundo, é o reconhecimento de um trabalho que foi feito por amor”, declarou Lino.

Festivais
O filme produzido pelos amigos foi selecionado nos festivais International Tourism Film Festival “Tourfilm Riga” (Letônia), International Nature Filmfestival of Gödöllo (Hungria), International Ecological Film Festival TO SAVE AND PRESERVE (Rússia), Zagreb Tour Film Festival (Croácia), Zlatna International Ethnographic Film Festival (Romênia) e Festival de Filmes Outdoor Rocky Spirit (Brasil).

Além de serem indicados a um festival de Los Angeles (Estados Unidos da América), o qual os finalistas serão conhecidos em setembro.

Expedição raiz
A viagem batizada de “Expedição Raiz” foi uma volta no sentido anti-horário no território brasileiro. A dupla saiu de São Carlos e seguiu até o complexo de cavernas no

Vale do Ribeira (SP). Depois, foi para os cânions de Aparados da Serra (RS) e, de lá, começou a 'subir o mapa' para o Pantanal (MT), Chapada dos Veadeiros (GO) e Jalapão (TO).

Em Belém (PA), 'abandonaram o carro' e foram apenas com as mochilas subir o rio Amazonas, de barco. Passaram por Alter do Chão (PA) e depois Mamirauá (AM). Voltaram para Belém e seguiram para os Lençóis Maranhenses (MA), Cariri Paraibano (PB), Chapada Diamantina, Serra da Mantiqueira (MG), Saco do Mamanguá (RJ), retornando a São Carlos depois de oito meses de estrada e com muitas histórias para contar.

Por estar concorrendo a festivais, o documentário ainda não está disponível para o público, porém, quem estiver interessado em conferir um pouquinho do trabalho feito pelos amigos, pode conferir o teaser acima.

Em outubro, o filme será exibido em São Carlos, em uma roda de debates sobre turismo no Sesc.

Próximos passos
Em ‘primeira mão’, Lino disse que em março de 2019, a Expedição Raiz estará no canal Mais Globosat. “Serão 12 episódios de 30 minutos. É mais um reconhecimento, mais uma alegria nossa. A série é um produto mais elaborado, que conta muito mais sobre essas histórias do Brasil, dessas raízes brasileiras”, contou.

Ainda de acordo com Lino, a ideia da dupla é, em 2019, gravar a segunda temporada da expedição. (EPTV)

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias

Novos Vídeos