BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Cidades Gerais Greve afeta serviços do INSS na região Centro-Oeste Paulista

Loca lead

Greve afeta serviços do INSS na região Centro-Oeste Paulista

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

inss4

Do G1 - Bauru-Marília - A greve dos servidores do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) segue em algumas agências da região Centro-Oeste Paulista. O movimento começou na terça-feira (7). Cerca de 60% dos funcionários do INSS de Bauru (SP) estão parados, segundo o sindicato. Apenas os agendamentos estão sendo atendidos na unidade. Em Botucatu todos os serviços ligados à aposentadoria estão paralisados. Estão sendo feitas apenas perícias para auxílio doença. A agência de Igaraçu do Tietê também está parada.


O sindicato reivindica reajuste de salários de acordo com a inflação acumulada, de 27,5%, melhores condições de trabalho e segurança, abertura de concursos públicos para contratação de mais funcionários e gratificações, incorporação de gratificações ao salário e regulamentação da jornada de trabalho de 30 horas.

Segundo o funcionário do INSS de Bauru Marcelo Capannacci, a greve busca melhorar o atendimento aos segurados. “O atendimento está sendo parcial, apenas os agendamentos. Os espontâneos não estamos conseguindo atender por causa da greve. Mas é para melhorar esse atendimento que estamos fazendo isso.”

Quem procura atendimento neste período está "perdendo viagem". O motorista Alvino Levino está afastado do trabalho por motivos de saúde e precisa regularizar a situação, mas não conseguiu fazer o que precisava. "Hoje eu vim aqui e ele falou para ligar e agendar, que ai vai atender". A aposentada Tereza Nunes também precisava regularizar documentos para o recebimento da pensão pela morte do marido, mas sem sucesso. "Está no banco, mas está bloqueado. Só veio meu salário que é o mínimo. O que eu faço com as contas?", reclama.

Quem tiver pressa para dar prosseguimento a questões de aposentadoria sem agendamento pode se dirigir a outras agências do INSS na região onde a adesão a greve ainda é baixa.

Em nota, o INSS informou que os segurados terão sua data de atendimento remarcada pela própria agência. A nova data pode ser confirmada ligando para o 135. O INSS vai considerar a data originalmente agendada como a data de entrada do requerimento.
A nota informa ainda que Ministério da Previdência Social mantém as portas abertas às suas entidades representativas para a construção de uma solução que contemple os interesses de todos.

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Novos Vídeos