BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Cidades Gerais Arqueólogo afirma que esfera de pedra encontrada na Bósnia confirma a ‘existência de uma civilização perdida’

Arqueólogo afirma que esfera de pedra encontrada na Bósnia confirma a ‘existência de uma civilização perdida’

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

bola

O Dr. Semir Osmaganich acredita que a última esfera — rica em ferro e uma de muitas outras que ele descobriu na região — é uma prova da existência de uma civilização “perdida”. 

Outros são mais céticos e observam que Osmaganich tem um histórico de revelações mirabolantes e infundadas. Ele afirma, por exemplo, que um conjunto de colinas da Bósnia era, na verdade, uma rede de pirâmides antigas.

Esta semana, Osmaganich fez a seguinte declaração em um blog: “O Sul da Europa, os Balcãs e a Bósnia em particular, foram o berço de avançadas civilizações antigas, das quais não temos nenhum registro. E elas tinham uma tecnologia avançada, bem diferente da nossa.”

Osmaganich revelou que muitas das esferas foram destruídas — mas a última, descoberta por ele, é a maior de todas as que já foram encontradas na Europa.

Osmaganich escreveu: “A maioria das esferas foi destruída nos anos 70, depois que surgiram rumores de que havia ouro no interior delas, algumas foram removidas pelos moradores da região e levadas para o quintal de suas casas.”

O material ainda não foi analisado. No entanto, as cores marrom e vermelha da esfera indicam que ela possui uma quantidade muito alta de ferro em sua composição. De modo que sua densidade deve ser bastante alta, similar à do ferro, que é de 7,8 kg/c.c… A rocha deve pesar umas 30 toneladas!

“Isso faz com que a esfera de pedra da Bósnia seja a maior da Europa.”

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Novos Vídeos