BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Ibitinga e Bariri Famílias das vítimas de acidente com ônibus de estudantes que deixou 13 mortos rejeitam acordo com estado

Famílias das vítimas de acidente com ônibus de estudantes que deixou 13 mortos rejeitam acordo com estado

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

Audiências no fórum de Borborema com quatro famílias das vítimas do acidente com carreta em 2014 terminam sem acordo por indenização. Em agosto, outras famílias terão audiência semelhante.

borborema

As quatro audiências realizadas nesta segunda-feira (30) no Fórum de Borborema entre o governo do estado São Paulo e familiares das vítimas do grave acidente entre um ônibus de estudantes e uma carreta, em 2014, terminaram sem acordo sobre o valor da indenização.

No acidente da noite do dia 27 de outubro de 2014, 13 pessoas morreram quando um ônibus de estudantes que voltava de uma excursão a São Paulo promovida pela Secretaria Estadual de Educação chocou-se lateralmente com uma carreta do quilômetro 370 da Rodovia Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304), em Ibitinga.

O impacto foi tão forte que a lateral do ônibus foi toda arrancada e alguns dos passageiros – entre eles pelo menos seis adolescentes, de 15 a 17 anos – foram arremessados para fora do veículo. As vítimas morreram na hora. Vários passageiros ficaram presos nas ferragens.

O ônibus levava estudantes e professores da Escola Estadual "Dom Gastão Liberal Pinto", de Borborema. O acidente tirou a vida de oito estudantes e três professoras da unidade de ensino, além de uma diretora de outro colégio e de uma fotógrafa que acompanhava a excursão do grupo a São Paulo.

Depois de quase quatro anos, nenhuma família ainda foi indenizada. Em agosto, estão previstas pelo menos mais quatro audiências com outras quatro famílias das vitimas do acidente. (G1)

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias

Novos Vídeos