BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Cidades Gerais Chuva com ventos de 70 km/h causa estragos em Ribeirão Preto e região

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Chuva com ventos de 70 km/h causa estragos em Ribeirão Preto e região

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

ribeirao

Queda de árvores e vias alagadas foram registradas em diferentes cidades da região de Ribeirão Preto (foto acima) durante a chuva do domingo (3), com granizo e ventos que chegaram a 70 quilômetros por hora, segundo apuração da EPTV. Um idoso morreu atingido por estilhaços de vidro dentro de seu apartamento, no Centro.

 

Os estragos do temporal também levaram à interrupção no fornecimento de energia elétrica em Ribeirão, Sertãozinho, Guaíra e Dumont, onde as aulas foram canceladas na rede municipal nesta segunda-feira (4) em função dos prejuízos.

Em Ribeirão Preto, choveu um volume de 53 milímetros entre a tarde do domingo e a madrugada desta segunda. O temporal derrubou galhos em pontos como a Avenida Francisco Junqueira, onde os semáforos ficaram inoperantes, e a Avenida Professor João Fiúsa, além da queda de uma estrutura metálica de um telhado na Rua Duque de Caxias, perto da Praça XV de Novembro, no Centro.

Ao todo, quatro mil imóveis seguiam sem energia elétrica até o início da manhã desta segunda-feira, problema que também afetou o funcionamento de poços do Departamento de Água e Esgoto (Daerp) do Jardim Santa Martha, Andradas, Palmares, Itaú, Recreio e Maria da Graça, além de Vila Tibério, Primavera e São Bento.

Houve pontos de alagamento como na marginal da Avenida Maurílio Biagi, na zona sul, onde mãe e filha ficaram ilhadas dentro do carro e tiveram que ser auxiliadas pelo Corpo de Bombeiros, que empurraram o automóvel em que elas estavam.

Também houve quedas de árvores na Avenida Independência, na Avenida Caramuru e na Avenida do Café, com um semáforo derrubado perto das ruas Jorge Lobato e Gonçalves Dias.

O temporal também causou estragos no Jardim Macedo, onde um galho de árvores despencou sobre um carro na Rua Professora Edna Rocha de Freitas.

Transtornos na região
O temporal também causou alagamento na Rodovia Armando de Sales Oliveira (SP-322), entre Sertãozinho e Pitangueiras, onde os motoristas tiveram dificuldade para seguir viagem.

Ainda em Sertãozinho, uma moradora registrou o momento em que a água da chuva jorrou pelos interruptores das paredes de sua casa, no Jardim Alvorada.

A água também invadiu imóveis na região do Jardim Jamaica e deixou ruas alagadas em localidades como o Jardim Boa Vista. Na sexta-feira (2), a cidade já havia contabilizado prejuízos com a chuva.

Também foram registrados estragos em Ipuã, Barretos e Guaíra. (EPTV)

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias

Novos Vídeos