BLUE GREY RED
YOU ARE HERE Home Notícias Cidades Gerais Depois de quase uma semana, mulher reencontra cão que perdeu após capotar carro em Rio Pardo

Depois de quase uma semana, mulher reencontra cão que perdeu após capotar carro em Rio Pardo

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

cao

A cabeleireira Elisa Meirelles passou quase uma semana de angústia após perder o cão de estimação em um acidente, quando capotou com o carro no dia 30 de junho no km 314 da rodovia João Batista Cabral Rennó (SP-225), em Santa Cruz do Rio Pardo.

A mulher, de 36 anos, teve apenas escoriações, mas entrou em desespero. Thor, seu vira-latas de quase três anos de idade, escapou da guia que estava presa ao cinto de segurança e fugiu pelas janelas do carro que tiveram os vidros estilhaçados.

Com isso, a moradora de Santos, que estava voltando para casa depois de ir para Campo Grande (MS), passou a semana na cidade atrás do animal. No sábado (6) ela recebeu a notícia mais esperada: Thor havia sido encontrado por um funcionário da Cart, a concessionária que administra a rodovia.

“Fiquei abrigada em casa de conhecidos de meus pais, que não queriam que eu ficasse por aqui [Santa Cruz]. Mas eu não conseguiria voltar para Santos sem ele [Thor] e fiz tudo o que estava ao meu alcance. Não ia voltar até encontrar. Ele está um pouco mais magro, mas está bem, graças a Deus ”, disse Elisa.

Para o funcionário que encontrou o animal, o reencontro foi emocionante.

"Ele [cão] estava bastante assustado e logo que me viu correu para dentro da viatura. Foi uma emoção para todos nós que nos envolvemos nesta história e presenciamos este reencontro”, disse Alexandre Silva, operado da concessionária que achou Thor.

Buscas

O telefonema pôs fim a uma verdadeira “operação de guerra” promovida pela dona de Thor. Além de ir para a pista da SP-225 todos os dias, nas proximidades onde seu carro havia capotado após ter um pneu estourado, Elisa ainda mobilizou moradores da cidade e as redes sociais com sua história.

Elisa conta que, além dos custos para se manter longe de casa por tanto tempo, chegou a contratar em Barueri uma equipe especializada em buscas, com cães farejadores.

"Os próximos passos, se o Thor não tivesse reaparecido, incluíam buscas com drones e com moradores da cidade, montados a cavalo, para conseguir adentrar na região de mata ao lado da pista. Ele está um pouco mais magro, mas está bem, graças a Deus", diz.

Amor

Segundo a cabeleireira, ela considera o caso atual como o segundo resgate na vida de Thor. Ela conta que o animal já havia sido resgatado nas ruas de Santos, ainda filhote, junto à sua mãe.

Na ocasião, o resgate foi feito por uma ONG de proteção animal da cidade litorânea e Thor acabou adotado por Elisa quando ele tinha cerca de três meses de idade. "Desde então, ele virou meu filho." (TVTem)

Comente:

Compartilhe:

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias

Novos Vídeos