O fim da greve se deu após o pagamento do salário atrasado do mês de agosto e a promessa do restante na próxima semana

 frrr

Funcionários durante greve na Triângulo Alimentos, que terminou nesta quarta-feira após receberem parte do salário atrasado 

Reportagem e Fotos João Reis- Na tarde desta quarta-feira, 240 funcionários da Triângulo Alimentos voltaram ao trabalho, após receberem o salário atrasado do mês de agosto e com a promessa de estarem recebendo, na próxima semana, o referente ao mês de setembro. Os funcionários estavam em greve desde a última segunda-feira. (veja fotos)

 greve2

Marcelo Araújo, secretário do Sindicato de Alimentação de Catanduva: "Se o acordo não for cumprido, na próxima semana paramos novamente"

De acordo com Marcelo dos Santos Araújo, secretário geral do Sindicato da Alimentação de Catanduva, que esteve em Itápolis para dar apoio a paralização, desde agosto os funcionários estavam sem receber salário e benefícios, como ticket alimentação, entre outros (assista a entrevista). “Nós temos aqui diversos pais de família que precisam do dinheiro para sua sobrevivência. Nós nem estamos exigindo os benefícios, queremos apenas o salário que lhes é direito. Assim que ele entrar na conta, os funcionários voltam a trabalhar para produzir a riqueza da Triangulo Alimentos”; disse Marcelo, na tarde de terça-feira.

Nesta quarta-feira, o salário referente ao mês de agosto foi pago e acordado que o restante será pago na próxima semana. Segundo Marcelo, se o acordo não for cumprido, os funcionários irão protocolar uma greve formal.

greve

Até o momento, a reportagem da Revistanet não conseguiu falar com a direção da Triângulo Alimentos.

{avsplayer videoid=309}

Mais Lidas